terça-feira, 27 de abril de 2010

FEUDALISMO

FEUDALISMO

Segundo Le Goff, o termo feudalismo,
“no sentido exacto do termo: vínculos feudo-vassálicos.
Conjunto de instituições que criaram obrigações
de obediência e de serviço por parte de um homem
livre dito vassalo. Em troca de sua fidelidade o vassalo
recebia do seu senhor a posse hereditária de um
feudo.”

-------------------------------------------

MEU COMENTÁRIO:

As formas dos homens se relacionarem se modificam com o passar da história, a humanidade está sempre buscando uma forma mais justa e igualitária de distribuição das riquezas da Terra. Por outro lado, os interesses pessoais de uma parte da população, dos indivíduos que se acham mais espertos, estes sempre estão querendo acumular mais bens e riquezas para os seus semelhantes. Vivemos assim um duradouro dualismo onde a força do Bem luta contra o Mal, o coletivo contra o individual. A humanidade por si só não conseguirá por seus meios próprios a Justiça, igualdade e liberdade, somente o reino futuro do Messias dará a humanidade a paz que tanto aguardamos. Deus tem dado tempo para que os homens tentem. Geração a geração obter o sucesso em suas empreitadas sociais, mas a cada geração fica visível o nosso vergonhoso fracasso, fracasso causado pelo pecado de Adão e Eva que jogou a humanidade nesta decadência moral. O feudalismo como outras formas de relação de trabalho trás embutido uma desigualdade e injustiça social. (texto do escriba e historiador Valdemir Mota de Menezes)


-----------------------------------------






O QUE É UM FEUDO?


[...] uma concessão (em geral sob a forma de terra...
mas por vezes...de dinheiro) atribuída gratuitamente
por um senhor ao seu vassalo com o fim de proporcionar
a este a manutenção a que tem direito em troca
de sua fidelidade e de o pôr em condições de prestar
ao seu senhor o serviço requerido” (LE GOFF)




SOCIEDADE FEUDAL

”Sistema de organização econômica, social e política
baseado nos vínculos de homem a homem, no
qual uma classe de guerreiros especializados – os
senhores — , subordinados uns aos outros por uma
hierarquia de vínculos de dependência, domina uma
massa campesina que explora a terra e fornece com
que viver”(LE GOFF)




VASSALO

[...] tipo de trabalhador difícil de ser definido com precisão,
pois variava muito de local para local o elemento
que o caracterizava. De acordo com sua origem,
fala-se em servidão real, que pesava sobre a terra, e
servidão pessoal, sobre o indivíduo, ainda que ambas
tenham se confundido após o século XI... ser servo
implicava não gozar de liberdade, ter incapacidades
jurídicas... [mas] podia ter bens e recebia proteção
do senhor” (FRANCO JR. Hilário. A Idade Média e o nascimento do Ocidente. São Paulo: Editora
Brasiliense, 1988, p, 192.)






[...] os laços feudo-vassálicos eram estabelecidos através
de três atos ... O primeiro era a homenagem, ato de
um indivíduo se tornar “homem” de outro. O segundo era
a fidelidade, juramento feito sobre a Bíblia ou relíquias de
santos e muitas vezes selados por um beijo entre as partes.
O terceiro era a investidura, pela qual o indivíduo que se
tornava senhor feudal entregava ao outro, agora vassalo,
um objeto (punhado de terra, folhas, ramo de árvore etc.)
simbolizador do feudo que lhe concedia
( FRANCO JR. Hilário. A Idade Média e o nascimento do Ocidente. São Paulo: Editora
Brasiliense, 1988, p, 76.)





Vassalagem: “vinculo de dependência privado, criado pela cerimônia de homenagem,
que assentava em compromissos recíprocos, embora desiguais. Permitia a um homem
livre, mediante a sua fidelidade, uma terra e ter acesso a uma parcela de autoridade
pública” (JUNIOR, H.F. A Idade Média e o nascimento do Ocidente. São Paulo: Editora
Brasiliense, 1988, pp, 352-353.)


------------------------

3 comentários:

  1. muito bom o conteudo dessa pagina.
    gostei muito das imagens,os textos bem explicativos.
    nota 10

    ass: eu jubleu oscar alho filho

    ResponderExcluir
  2. eu adorei muito legal

    ResponderExcluir